Astrosphera

Ancient astrological technics uncovered.

no que penso hoje para a Astrologia

Bem, esse post não tem como objetivo ensinar nada, mas sim mostrar o que está me tomando atenção atualmente no que tange a Astrologia…

Quando um ator ou uma “personalidade” (daquelas que só foram ao Big Brother e mais nada) diz que está “analisando alguns projetos”, isso é um eufemismo para dizer que não recebeu proposta nenhuma e está caminhando para ostracismo. No meu caso, digamos que a frase acima seja verdadeira e não represente eufemismo nenhum. Um dos projetos que está na geladeira tem uma esperança de voltar a ser desenvolvido, a criação de um software de Astrologia Clássica. Um amigo meu é programador e demonstra interesse. Não vou dizer que vai dar tudo certo porque as conversas ainda nem começaram. Eu tinha desistido do projeto porque, de todos os meios que tentei, nenhum deles me foi acessível em termos de conhecimento e tempo.

O segundo projeto independe de conhecimentos de informática, estando por isso muito mais acessível para mim. Estou pensando em escrever um livro (que pode ser digital ou não, isso não importa) compilando quatro autores de Astrologia Clássica: Dorotheus, Masha’Allah, Rhetorius e Umar. Esse projeto é ousado no que tange às exigências de tempo para mim, que sou médico, tenho dois empregos e duas pós-graduações. Eu não tenho pressa e o desenvolvo aos poucos, então há uma chance boa dele ser levado a cabo.

O objetivo do livro é juntar esses autores de uma forma sistemática, cruzando referências, comparando as diferenças entre seus textos, ajuntando-os nas semelhanças e criando o que seria um texto não definitivo, mas bem abrangente de Astrologia natal, que considero uma das áreas mais difíceis da Astrologia.

O texto não terá preocupações com a prática, que virá em seguida. Em outras palavras, se os textos originais falarem as coisas mais absurdas, elas serão escritas à risca. A prática é a segunda etapa do estudo, que depende dessa primeira e não pode interferí-la.

Mais uma vez eu afirmo que não tenho compromisso de levar os projetos até o final dentro de um prazo. Até porque a vida tem mostrado que prometer coisas dá azar… Se eu os estou divulgando é que apenas desejo mostrar o que está “na minha cabeça” atualmente.

No comments yet»

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: