Astrosphera

Ancient astrological technics uncovered.

Casa XII

Esse momento representa o nascer do sol, belo, ainda tímido, respeitando nossas retinas e a umidade da noite. Um espaço de beleza, na minha opinião. Como um momento tão belo pode representar situações tão difíceis?

A casa XII representa exílios, agonias, sofrimentos da alma, locais distantes e animais selvagens. Todo espaço no qual existe sofrimento e/ou isolamento é representado por este setor. É a casa dos reis que são exilados, e desfrutam de uma vida confortavelmente entediante, mas também é local daqueles obrigados a se exilarem, vivendo em péssimas condições. De fato, as condições de um planeta na casa XII nos ajudam a entender como o planeta lidará com o exílio.

A situação de exílio é apenas uma na qual se configuram outras dezenas, com o mesmo significado subjacente. Para entendê-lo, vamos nos valer de uma imagem.

Se o ascendente é o indivíduo, os planetas nascem ali, e lentamente se afastam do horizonte – o nosso indivíduo do exemplo. Esse afastamento simboliza mais que a perda de algo, mas sim a perda de controle sobre as situações regidas pelo planeta. Os planetas que estão na casa um representam elementos da vida sob os quais eu tenho controle. No exemplo da foto, os assuntos que vênus representam se afastam cada vez mais do nativo, o bonequinho da casa 1.

É desse raciocínio que advém o significado da casa XII. Pode-se justificar os malefícios dessa casa através da ausência de aspectação, ou seja, a casa 12 não é vista pelo ascendente, de modo que não esperamos seus assuntos nas nossas vidas. Eu diria ao leitor que tal assunção é deveras correta, todavia não se deve deixar aqui lacuna para julgamentos errôneos. A casa II não é, da mesma forma que a XII, aspectada pelo ascendente, e possui significado de substância, posses, coisas que esperamos da vida tanto quanto um casamento ou uma carreira. Apesar desta similaridade, a casa II possui significado positivo pois todos os planetas que se encontram nela partem rumo a casa 1, portanto, ao controle do nativo sobre os elementos em questão. Todas as casas acinzentadas da figura, com exceção da sétima, não são aspectadas pelo ascendente, daí se derivando seus significados maléficos para a maioria delas, exceto a nove, que contudo é reportada por Manillus como o “Portal de Hades”.

No exemplo da foto, o nativo perde o controle sobre suas parcerias, ou elas estão causando-lhe uma sensação de impedimento: vênus está na casa 12. A lua, ao contrário, está na casa 2, em Touro, representando as posses do nativo.

No comments yet»

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: