Astrosphera

Ancient astrological technics uncovered.

O infalível Doutor Topeiramato

Acabei de sair de uma prova de psiquiatria, e já estou (em tese) atrasado para uma aula.

Três professores aplicaram a prova. Um deles me faz rir mais que outros pois me lembra de algumas associações nonsense que criei dele.

Seu nome é Max, é baixinho, tem olhos verdes, cabelo de surfista e tem os dentes levemente protusos, dando o aspecto de toupeira engomadinha que pega onda em itacoatiara nos fins de semana.

Em suas aulas ele indicou muitas vezes o anticonvulsivante Topiramato como tratamento de transtornos de personalidade borderline, dentre outros, a ponto de eu associar indistintamente o remédio a pessoa.

Como ele tem cara de topeira, atribuí-lhe o nome de Doutor Topeiramato, e revelo esse furo cômico em primeira mão aos leitores, antes mesmo dos meus amigos e namorada (que também é amiga, ora!). Afinal de contas eles são também leitores do blog, e no momento em que escrevo esse post talvez sejam os únicos!

Doutor Topeiramato seria também um bom etiquetador de supermercado, pois é especialista em dar rótulos aos costumes em geral, distribuídos por categoria de transtornos classificados pelo DSM-IV e pelo CID-X . Quem tem blog, por exemplo, é potencialmente esquizóide: é que o esquizóide não gosta de se relacionar com ninguém e na internet adquire desenvoltura para construir um personagem.

Ele também é dono da pérola de que o borderline é bissexual porque nesse transtorno as pessoas não possuem uma auto-imagem bem definida. Até aí você não se assusta muito, mas então Topeiramato generaliza isso a todos os bissexuais, com o estamento de que “no fundo, bissexualismo não existe, ele está doente”. Ora, o bissexual se define como bissexual, catzo! Espero que um psiquiatra não use isso como um critério dentre os famosos “Ao menos três desses sinais durante três semanas classifica a doença”.

Não podemos levar Dr. Topeiramato tão a sério assim. Afinal de contas eu também, na situação dele, adoraria ser um showman e insuflar meu ego, que já não é pequeno. Fazer piadinhas, estereotipar as pessoas, tudo isso é muito divertido. Só espero que ninguém fique chateado com ele.

Eu mesmo, tenho um blog e nem por isso sou esquizóide. Um pouco ansioso e obcessivo, isso sim, confesso.

2 Comments»

  Marina wrote @

Não,vc é niilista, masturbatório, mas esquizóide, de fato não

  Marina (de novo!) wrote @

Eu entro no seu blog pra ler seu posts e comentar… mas eu só falo merda. não leve em conta. Desculpe. Não quero ficar te enchendo o saco. Te amo muiiiito.*******tô com saudade e vim ver seu blog…Gostei muito. Adorei a história do professor. Porque a fixação dele com o tal remédio?!*******Queria apagar alguns comentários idiotas que fiz. Mas eu falo sem pensar… aí sai merda.Deslculpa.Te amo, te amo, te amo!


Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: